quinta-feira, 3 de setembro de 2009

LEI DE LIBERDADE







RECURSOS DIDÁTICOS

GRAVURAS – Pássaro Livre e Pássaro na Gaiola

INTRODUÇÃO – Perguntar: VOCÊ É LIVRE PARA FAZER TUDO O QUE QUER?

DESENVOLVIMENTO:

Respeito à Natureza, respeito á liberdade que os pássaros têm, pois DEUS OS FEZ LIVRES. Respeito ao nosso vizinho, pois ele não é obrigado a ouvir a música que nós gostamos.
A nossa educação, o nosso respeito esta em regular o volume do som para não incomodar a ninguém, e satisfazer a nos mesmos.
Respeitar as filas e saber esperar a nossa vez.
Saber esperar para falar, quando o outro estiver falando.
Respeitar a maneira de pensar das outras pessoas.

FIXAÇÃO:

Aprendemos com a Doutrina Espírita que temos livre arbítrio e que somos responsáveis por nossos atos.
Os animais não têm livre arbítrio, pois não tem inteligência, só instinto.
Nosso direito termina onde começa o direito do nosso próximo.
Se não tivéssemos livre arbítrio não teríamos responsabilidade pelos nossos atos.

HISTÓRIA: A TARTARUGA


TEMA - LIBERDADE PERANTE A SOCIEDADE

RECURSOS DIDÁTICOS: GRAVURAS

Pessoas presas e pessoas livres.

INTRODUÇÃO – Perguntas

Porque existem cadeias?
Porque existem grades e cadeados nas casas?

DESENVOLVIMENTO - Nos dias de hoje existem pessoas que se comprazem em escravizar o seu próximo.
Falar da liberdade que temos em nosso país. Aqui não existem guerras.
Falar dos outros países que têm regime político diferente do nosso, limitam a liberdade das criaturas que ali vivem.
Falar dos escravos, do dinheiro, do orgulho, da vaidade e dos vícios.

FIXAÇÃO – HISTÓRIA – “O Menino que Fumava”.

Fatos reais que o evangelizador conheça.
Fatos que as crianças conheçam.

TEMA – LIVRE ARBÍTRIO

RECURSO DIDÁTICO – Desenhar na lousa

Duas estradas – uma do mal e outra do bem

Introdução – Com auxílio das crianças escrever dentro de cada estrada respectivamente – atitudes más: matar, roubar, preguiça, não trabalhar, avareza, mentir,etc.
- atitudes boas: trabalhar, servir, amar, amparar, doar, etc.

DESENVOLVIMENTO -
Falar de maneira que as crianças entendam que o livre arbítrio é a nossa livre escolha dessas duas estradas, a do bem e a do mal.
A do bem – para evoluir mais rápido
A do Mal – para evoluir demoradamente e sofrer mais.

Enfatizar – Somos os únicos responsáveis pelo nosso futuro espiritual. O uso indevido do nosso livre arbítrio nos faz sofrer.

FIXAÇÃO – Cada criança emite o seu conceito de liberdade. Desenhar as estradas numa folha e escrever outras atitudes sem serem as já citadas.

2 comentários:

  1. Preciso saber onde encontrar as histórias que vcs sugerem para aulas.

    ResponderExcluir