segunda-feira, 1 de agosto de 2011

RESPEITO E AMOR AOS IDOSOS




Objetivo:

Mostrar às crianças a importância de amar e respeitar os idosos.

AMOR PELOS IDOSOS

Um frágil e velho homem foi viver com seu filho, nora, e neto de quatro anos.
As mãos do senhor tremiam, a vista era embaralhada, e os seus passos eram fracos.
Mas as mãos do avô tremiam muito e com sua visão falhando, ficou difícil comer à
mesa com eles sem derramar a comida no chão e na mesa.
Ervilhas rolavam dos talheres dele para o chão.
Quando ele pegou seu copo, derramou o leite na toalha.
A bagunça irritou fortemente seu filho e nora:
-Nós temos que fazer algo com o avô, disse o filho.
-Ele sempre derrama o leite, faz barulho a comer e ainda derruba tudo no chão,
Dizia a sua nora.
Assim o marido e a esposa prepararam uma mesa pequena no canto da sala.
Lá o avô comia sozinho enquanto o resto da família comia o jantar na mesa principal.
Desde que o Avô tinha partido um ou dois pratos, a comida dele foi servida numa tigela de madeira.
Quando a família olhava na direção do Avô, às vezes percebiam que ele chorava, por estar só.
Mesmo assim, o casal só falava com ele em tom de briga quando as coisas caíam de suas mãos.
O neto de quatro anos assistiu a tudo em silêncio.
Uma noite antes da ceia, o pai notou que seu filho estava a brincar no chão com restos de madeira.
Ele perguntou docemente para a criança:
O que estás a fazer?
O menino respondeu:
Eu estou a fazer uma pequena tigela para ti e para a mãe comerem a vossa comida quando eu crescer.
As palavras do menino foram como golpes para os pais que ficaram mudos. Então
Lágrimas começaram a cair de seus olhos e eles puderam perceber que maldade faziam com o avô.
Naquela noite o marido pegou a mão do avô e com suavidade levou-o à mesa
familiar.
No resto de seus dias de vida ele comeu sempre com a família. E por alguma razão,
nem marido nem esposa pareciam se
Preocupar mais quando um garfo era derrubado, ou leite derramado, ou que a toalha da mesa tinha ficado suja.
As crianças são tão inteligentes e sensíveis.
Os olhos delas sempre observam, suas orelhas sempre escutam, e suas mentes sempre entendem as mensagens que elas absorvem.
Se elas percebem bons atos na sua própria casa, elas imitarão aquela atitude para o
resto de suas vidas.
O pai sábio percebe isso diariamente, que o alicerce está sendo construído para o futuro da criança.
Sejamos sábios construtores de bons exemplos de comportamento em nossa casa.

Jogo de Adivinhação


Objetivo:

 Compreender alguns aspectos que devemos ter para com os idosos.


Material: Folha de papel, cola, tiras de papel, canetinhas, folha de questões e respostas(para o evangelizador).


1) Divida a turma em duas ou três turmas e desenhe, numa folha de papel, uma escada de dez degraus para cada uma.


2) Entregue dez tiras de papel para cada turma e escrever suas respostas. As tiras devem ser da mesma altura dos degraus e largas o suficiente para caberem as palavras.


3) Explique que vamos fazer um jogo.Você dará algumas pistas para os evangelizandos descobrirem as palavras. Veja abaixo as dez questões e respostas:


QUESTÕES E RESPOSTAS PARA O EVANGELIZADOR


a) Saber esperar nossa vez e não ficar irritado quando as coisas demoram, são mostras desta virtude. Como se chama?

PACIÊNCIA

b) Saber esperar pelo que temos e recebemos todos os dias é o significado desta virtude. Como se chama?

GRATIDÃO

c) Feita de palavras e ações, é a virtude que nos pode para cumprir nossos deveres e promessas. Fazendo com que cheguemos no horário nos lugares, fazendo nossa lição de casa, alimentando nosso bicho de estimação e cumprindo todos nossos compromissos. Como se chama?

RESPONSABILIDADE

d) Quem ajuda, estende a mão a quem precisa, põe em prática esta virtude. Como se chama?

CARIDADE


e) As pessoas e coisas mais frágeis necessitam. Os bebês, as coisas delicadas, os animais, as plantas, o idoso. Como se chama?

CUIDADOS

f) Gostamos de receber, nossa mãe e nosso pai costumam fazer na gente, na maioria das vezes quando vamos dormir. Fazemos também nos nossos bichos de estimação, nas pessoas que gostamos. Os idosos gostam de receber. Para receber é preciso tocar na pessoa ou coisa. Como se chama?

CARINHO


g) As pessoas são diferentes, cada um tem seu jeito de ser. Nem tudo é do jeito que gostaríamos que fosse. Devemos ter para viver bem. Como se chama?

COMPREENSÃO

h) Devemos ter para com a natureza, para com as pessoas. Como se chama?

RESPEITO


i) Precisa de atenção, respeito, carinho, compreensão, cuidados, paciência.Às vezes as famílias os abandonam. Às vezes eles não querem mais moram com suas famílias, pois acham que já estão dando muito trabalho. Como se chama?

IDOSO

j) Querer bem e gostar muito das pessoas, das coisas. Jesus deixou como o maior mandamento. Como se chama?

AMOR


4) As respostas corretas serão coladas na escada, começando de baixo para cima.


5) Peça para um representante de cada equipe desenhar uma “pessoinha” no degrau onde conseguiram chegar.


Poema de Um Idoso

A MINHA BOA VIDA

Já tenho uma boa idade
Já estou com as pernas bambas
Minha visão tornou-se escura
E já não enxergo quase nada.
Meus cabelos já estão brancos
Mas na vida sou professor
Por uma longa existência
E experiências adquiridas.
Meu rosto está enrugado
Minha pele está abatida
Mas vivo paciente, contente
Porque tenho aproveitado a vida.
Dói aqui, dói ali
Dói à carne, dói os ossos
Os nervos também doem
Mas da vida muito eu gosto.

(Autor Desconhecido)

Evangelizadores: Sandra e Monica
Evangelização Infantil Bezerra de Menezes

Um comentário:

  1. Como conviver com o idoso

    Ivone Boechat (autora)

    1- Nunca pergunte a um idoso: qual é o segredo de viver tanto assim? Porque a pessoa não vai lhe convencer ou vai dizer que não sabe a resposta. Quem vai adivinhar como se vive anos e anos, com tanta virose, corrupção, mentira, tapeação, bala perdida, exploração... ruindade!
    2- Nunca telefone ou visite um idoso entre 12:00h e 16:00h. TODO idoso gosta de descansar nesse período sagrado.
    3- Jamais conte um problema ao idoso. Ele vai poder ajudar? Também não seja o problema do idoso: é covardia. Ele não vai ter como se defender.
    4- Nunca interfira na decisão do idoso: se ele decidiu ser enterrado ou cremado. Não fique reclamando do preço da cremação, do túmulo..Nem fique agourando e perguntando o que a família deve escrever por cima do túmulo.
    5- Nunca diga ao idoso: essa história você já me contou dez vezes. Diga a ele que a história é interessante e o ajude a resumi-la. Ele vai entender que a história é conhecida!
    6- Não estimule o idoso a se lembrar de um fato que lhe cause sofrimento. Desvie sempre a tristeza para o lado bom de tudo.
    7- Não explore a disponibilidade do idoso, lembre-se que ele já trabalhou muito e hoje não tem mais resistência, saúde e vigor para tomar conta de problemas e cachorros... dos outros. Deixe em paz o cartão bancário com o pagamento da minguadíssima aposentadoria. Vai à luta!
    8- Mude o canal da TV quando o assunto é desgraça!
    9- Ao visitar o idoso, leve algo que lhe faça bem à saúde: boa conversa, estímulos, boas notícias... palavras cruzadas, linha para crochê... uma fruta que ele possa consumir... um livro. Nas festas de aniversário e Natal, seja criativo! Chega de tanto pijama e chinelo.
    10- Lembre-se: a pessoa idosa tem todo direito à felicidade e não vai ser você que vai atormentar os derradeiros dias da vida de ninguém. Exercite a gratidão, o perdão, a solidariedade e chega de despejar lixos de traumas, tristezas antigas e carências na caçamba que a vida cismou de colocar na porta de quem lutou tanto para resistir às intempéries.

    ResponderExcluir