segunda-feira, 31 de março de 2014

RESSURREIÇÃO DE JESUS

Fig.1 No domingo, muito cedo, três mulheres que conheceram Jesus foram ao sepulcro, onde o corpo de Jesus estava, levando perfumes e flores. Eram elas: Maria de Magdala, Salomé e Maria. Elas se perguntavam: “Quem irá nos ajudar a remover a pedra na entrada do túmulo para podermos colocar estas flores ao lado de Jesus?”. Mas quando elas chegaram lá, a pedra já estava removida, e um anjo enviado pelo Pai estava sentado sobre ela. As três mulheres ficaram assustadas, mas o anjo lhes disse: “Não fiquem com medo. Eu sei que vocês procuram por Jesus, mas Ele não está aqui”. As três mulheres entraram no túmulo e ficaram espantadas porque não encontraram o corpo de Jesus. E o anjo novamente lhes falou: “Porque vocês vieram procurar aqui entre os mortos, aquele que vive? Ele não está aqui, mas ressuscitou. Vocês não se lembram que Jesus disse que iria ressuscitar no terceiro dia? Vão avisar aos discípulos que Ele irá os encontrar na Galiléia”. Então, elas se lembraram dessas palavras de Jesus e deixaram apressadamente o túmulo, cheias de medo, mas com grande alegria e foram avisar aos discípulos. Estes foram ao túmulo para ver se era verdade que o corpo de Jesus tinha sumido.

Imagem relacionada

Fig.2 Maria de Magdala voltou ao sepulcro e ficou lá, chorando. Enquanto ela chorava, veio um homem que lhe perguntou: “Mulher, porque choras?” E ela respondeu: “Porque levaram o meu Senhor daqui e eu não sei onde o puseram. Se tu sabes onde Ele está, por favor, me diga”. E o homem a chamou: “Maria”. 

Imagem relacionada


Fig.3 E ela, virando-se para o homem, o reconheceu e lhe disse: “Rabboni! (Mestre!)” e viu que era Jesus quem estava ali. Maria ficou muito emocionada e Jesus lhe disse para ela ir avisar aos irmãos que Ele iria os encontrar na Galiléia. Maria foi avisar aos que estavam aflitos e em choro de que Jesus havia aparecido e mandado todos irem para Galiléia, pois Ele iria os encontrar lá. Só que as pessoas, ouvindo essa história de Maria, não acreditaram nela.     
 





Fig.4 – Depois disso, em um dia em que os discípulos estavam trancados em casa, com medo dos que perseguiam os cristãos, Jesus se apresentou no meio deles e eles ficaram espantados. Jesus lhes disse: “Porque estão com medo? Olhem para mim e vejam que sou eu mesmo. Era necessário que eu sofresse e ressurgisse dentre os mortos para mostrar o perdão. Devemos perdoar a quem nos ofende. Porque assim, o Pai também nos perdoará aos nossos erros. Ide ensinar a todos os povos tudo que lhes tenho falado e ficarei com vocês até o fim”. E então, os apóstolos começaram a pregar o Evangelho de Jesus às pessoas. 




Fig.5 – E numa tarde, de azul profundo no Céu, os amigos de Jesus e um grupo de pessoas se reuniram em prece em um monte na Galiléia. Nesse grupo de pessoas estavam os apóstolos, mulheres pobres com seus filhinhos, velhos de cabelos brancos. Todos sentiam uma sensação diferente no ar, uma tranqüilidade imensa, uma felicidade.
Foi nesse instante que a figura do Cristo apareceu no alto do Monte. Era Ele. Seu sorriso irradiava luz tão forte que até os mais fortes caíram de joelhos no chão. Neste momento todos puderam sentir o amor no fundo de suas almas. E a certeza de que, mesmo nos momentos mais difíceis, de dor e sofrimento, Jesus daria a paz necessária e que na existência ou na morte do corpo todos estariam unidos ao seu Reino. Uma forte emoção envolvia a todos e então as pessoas observaram que o Mestre, rodeado de luz, se elevou ao céu.

Resultado de imagem para PELOS CAMINHOS DA EVANGELIZAÇÃO - RESSURREIÇÃO DE JESUS








Nenhum comentário:

Postar um comentário