segunda-feira, 3 de junho de 2013

ABECEDÁRIO DAS VIRTUDES





JANIZE MONTEIRO
EDMAR R. THIENGO

A
Nós somos quatro letrinhas
Unidas para formar
A mais bela das virtudes
Você quer adivinhar?

Quem tiver esta virtude
Bem dentro do coração
Todo mundo vai olhar
Como se fosse um irmão.
Será que você já sabe
Do que eu estou a falar?                                         
Se ainda não descobriu
Mais uma pista vou dar...
Começa com a letra a
A palavrinha em questão
Pequenina no papel,
Mas, grande no coração.
Toda a vida de Jesus,
Nosso Mestre e Salvador,
Foi exemplo permanente

Da virtude que é o AMOR.


B
São duas belas irmãs
BENEVOLÊNCIA E BONDADE
Amparando e socorrendo
Ao que tem necessidade.
Nesta família fraterna
Onde tem felicidade,
Encontrou abrigo certo
Também a BOA-VONTADE.


C
Quando por perto estou
Não deixo ninguém chorar,
Pois logo mando a tristeza
Ir bater noutro lugar.
Consolo aos pobres e aflitos,
Semeio felicidade...
Só quero o bem do meu próximo
O meu nome? CARIDADE.

D
Será preciso insistir
Ter fibra, força e vontade,
Para que eu possa existir
No seio da humanidade.
Muito cedo, desde a infância
Ao seu lado quero estar,
É no seu coraçãozinho
Bons hábitos cultivar.
Seja na escola ou no lar,
Eu preciso estar presente,
Educando com firmeza
Transformando toda gente.
Portanto, esqueça a preguiça,
Busque o labor que ilumina
E cumpra com seu dever
Agindo com DISCIPLINA.

E
Existência e Espiritismo
Equilíbrio e encarnação
Evangelho e entendimento,
Esperanto e Educação.
Viu quanta coisa bonita
Começa com a letra E?
A VERDADE QUE LEMBREI
Nasce com toda criança
É feliz e confiante,
Ela se chama ESPERANÇA!

F
Tentei, tentei, mas não pude
Escrever nada melhor
Que explicasse esta virtude
Como um poeta maior.
Por isso, peço licença
A quem de fato detém,
O mérito desta trova
Mesmo vivendo no além...
E vou logo repetindo
Esta beleza sem par,
Quero ver você também
Aprender e admirar.
“Deus muda às vezes de nome
E sem revelar quem é,
Se chama miséria e fome
E vem ver se tu tens .”
(Joubert de Araujo Silva)*       
*Poeta e trovador capixaba    

G
Quem se esforça todo dia
Procurando oferecer
Num simples gesto, um sorriso
Vai logo me conhecer.
Ando sempre de mãos dadas
Com quem sabe agradecer.
Com licença e, por favor,
Não me esqueço de dizer.
Você que é criança esperta
J á descobriu com certeza
Que virtude eu represento?
Claro! Sou a GENTILEZA.

J
Jesus escolheu na Terra
Como berço, a manjedoura,
Seu exemplo foi modelo
De lição imorredoura.
Na palha da estrebaria
No abrigo dos animais,
Ele queria dizer
Que todos somos iguais.
Por isso, meu amiguinho,
Guarde no seu coração,
Que Jesus fez da HUMILDADE
A mais sublime lição. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário