terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

PARÁBOLA DO JOIO E DO TRIGO



Atividade:

Todos os jovens em circulo formando um grupão, foi perguntado se alguém havia vivenciado ou ouvido ou visto algo, durante aquela semana que o tinha chocado, como apenas um falou sobre um crime que tinha visto na mídia então foram entregue a alguns jovens notícias de acontecimentos chocantes durantes aquela semana.

Depois da leitura para todos, a monitora fez as seguintes perguntas para que surgisse um bate papo sobre o assunto:

Ao ouvir a notícia o que você sentiu?
Porque você acha que sentiu isso? 
Na sua opinião o que você acha que está acontecendo com o mundo?
O que você faria se fosse à vítima ou próximo dela?
Em sua opinião o que o agressor merece?

Após um bate papo “acalorado”, onde todos puderam dar suas opiniões a vontade e demonstrando toda sua indignação, e alguns até mesmo declarando que perderia a cabeça entre outras coisas, foram colocadas outras questões, para nos lembrarmos alguns conceitos da doutrina espírita:

Que filosofia seguimos? ESPÍRITA.
O que somos? ESPÍRITOS.
O que o agressor é? ESPÍRITO
Ele (a) foi criado diferente de nós?
Segundo a doutrina espírita, existem privilegiados?
Segundo o Espiritismo devemos julgar as pessoas?
Segundo o Espiritismo, nós já nascemos nessa condição em que nos encontramos?
Segundo o que conhecemos da doutrina, somos melhores do que esses agressores?
 Será que em MENOR escala também não somos cruéis, agredindo pessoas de alguma forma, por pensamentos, palavras ou atitudes?
Será que não “assassinamos” sonhos de outras pessoas?
Será que não “roubamos” a paz, a alegria, a vontade de viver, o desejo de superação, entre outras coisas daqueles que convivemos no dia a dia?
É mais fácil eliminar o problema ou resolver o problema?
Será que estamos resolvendo de forma correta os problemas que nos surgem, ou estamos tomando atitudes que estão apenas adiando esse problema?

Após a discussão e a leitura da parábola do Joio e do Trigo todos chegamos à conclusão ou pelo menos levamos para reflexão, sobre a nossa responsabilidade diante da oportunidade que temos ao estarmos reencarnados e se não aproveitarmos para evoluirmos se escolhermos permanecer na condição de Joio e não de Trigo, não acompanharemos a transformação do nosso planeta de MUNDO DE PROVAS E EXPIAÇÕES para MUNDO DE REGENERAÇÃO.


Um comentário:

  1. Poxa, gostei da ideia de trabalhar com noticiosos. Estou pensando em organizar na mocidade um mural com notícias: entre revistas e jornais. Acho interessante poder "linkar" o Espiritismo com o que acontece no mundo. Boa ideia essa de trabalhar com essa parábola.
    Bacana!

    ResponderExcluir